América MG

DNA Formador! Jovens Spartanas assinam primeiro contrato profissional com o Clube

Serrana (esq.) e Carol (dir.) assinam os contratos profissionais com o América (Foto: América / divulgação)

Após o fim da primeira competição da temporada para o América Feminino, a diretoria da equipe já começou o planejamento para a sequência dos compromissos. Nesta segunda-feira, duas atletas que vem evoluindo bastante na equipe feminina receberam a oportunidade de assinarem seus primeiros contratos profissionais. As jovens spartanas Carol e Serrana, que tinham vínculos de formação com o Clube, agora estão vinculadas profissionalmente.

CAROL

A atacante Carol vem sendo mais um bom fruto do DNA Formador do América. Natural de Conselheiro Lafaiete (MG), a atleta de 17 anos chegou ao América em agosto de 2019. Desde então, vinha sendo lapidada pelo Clube e já fazendo parte do elenco profissional. Carol tem se destacado com um ótimo desempenho neste ano e é a artilheira das Spartanas na temporada.

O primeiro contrato profissional de Carol com o América será válido até julho de 2022.

O ótimo rendimento da atacante americana foi acompanhado pelos profissionais da Seleção Brasileira e, no último dia 12, Carol foi convocada para a Seleção Sub-20 pela primeira vez na carreira. O América volta a ser representado no escrete canarinho por uma Spartana após três anos.

Carol já se apresentou à Seleção na tarde desta segunda-feira. Sob o comando do técnico Jonas Urias, ela cumprirá um período de preparação junto a mais 24 atletas. Os trabalhos acontecerão no CT do Retrô, em Recife (PE), de 19 de julho a 2 de agosto.

A artilheira americana celebrou a valorização profissional concedida pelo América e teceu palavras de muita gratidão ao Clube.

“Comecei a minha carreira no América em 2019. Foi o Clube que me abriu as portas e acreditou no meu potencial. Toda vez que visto esta camisa, visto com honra. Falarei sempre com orgulho do clube onde comecei, pois o América representa o início de tudo. Para mim, representa esperança não pela cor mas por ter me dado isso em um momento em que eu não mais esperava nada. Gratidão, respeito e amor. Obrigada América Futebol Clube!”.

Carol também comentou sobre sua primeira convocação na carreira. A jovem spartana deu um depoimento emocionado ao falar sobre essa alegria de vestir o manto da Seleção.

“É uma mistura de sentimentos, me sinto muito feliz, grata e realizada. Quando soube da convocação, chorei muito de alegria, pois para uma atleta de futebol o nível mais alto que se pode atingir é vestir a Amarelinha. Estou realizando um sonho que não é só meu, mas também de alguém que tá lá no céu olhando por mim: meu pai. Tenho certeza que ele está muito feliz, não só pela convocação mas por agora eu ter um vínculo profissional. O amor pelo futebol passou dele pra mim, então estou feliz também por trabalhar com o que amo fazer”, declarou.

Carol em ação no Campeonato Brasileiro A-2 (Foto: Mourão Panda / América)

SERRANA

A meia Serrana chegou ao América em novembro de 2020, já na reta final da temporada passada. Natural de Nova Serrana (MG), a jovem de 19 anos vem sendo titular na atual jornada e também demonstrando um bom futebol com o manto americano. A spartana assinou o contrato profissional com duração até dezembro do ano atual.

Serrana demonstrou sua alegria pelo primeiro vínculo profissional com o América. “Estou muito feliz por estar assinando meu primeiro contrato profissional, ainda mais sendo no América, algo que jamais me esquecerei. Isso representa muito para mim. O sentimento é de felicidade por fazer parte dessa grande equipe e o sentimento de gratidão a Deus é imenso!”, afirmou.

A jovem meia também agradeceu aos profissionais do Clube pela contribuição em sua formação e falou do orgulho de ser uma spartana. “O América por si só é um clube gigante, e eu tenho muito orgulho de poder fazer parte e vestir o escudo que representa o “América”. Confesso que não imaginava fazer parte da equipe maravilhosa das Spartanas, mas Deus me concedeu essa linda oportunidade. As pessoas me acolheram tão bem aqui, me ajudaram ainda mais a conseguir fazer boas atuações nesta trajetória!”, disse.

Serrana comemora gol pelo América no Campeonato Brasileiro A-2 (Foto: Mourão Panda / América)