América MG

América vence novamente o Cruzeiro e chega a mais uma final do Mineiro

América dominou a partida na Arena Independência (Foto: Mourão Panda / América)

O América dominou a partida na Arena Independência, venceu mais uma vez o clássico contra o Cruzeiro e chega à final do Campeonato Mineiro 2021 em busca do seu 17º título da competição. O placar de 3 a 1 teve dois gols do artilheiro do Mineiro, o atacante Rodolfo, que atingiu sete gols no torneio, e do meia Ramon.

O primeiro jogo da decisão estadual será no próximo fim de semana no clássico contra o Atlético-MG.

O JOGO

Desde o primeiro minuto de jogo, o América mostrou superioridade no clássico deste domingo, com Alê conectando um perigoso chute logo no lance inicial de jogo. Na defesa, o goleiro Matheus Cavichioli passava segurança para seus companheiros, com ótimas defesas.

Dominando o meio do campo, o volante Juninho também teve boas investidas no ataque, acertando a trave adversária aos 24 minutos da etapa inicial. A pressão do América resultava em boas chances ofensivas, com Bruno Nazário, Felipe Azevedo e Rodolfo infernizando a zaga rival.

O gol para coroar o primeiro tempo superior veio no minuto final. Eduardo Bauermann foi empurrado na área e Rodolfo cobrou o pênalti com um forte chute.

O segundo tempo começou movimentado, com o adversário empatando, Alê acertando a trave e Rodolfo anotando mais um gol. O artilheiro cobrou novo pênalti e chegou a sete tentos na competição estadual.

Com a vantagem no placar, o América ampliou o domínio da partida, permanecendo com a bola no ataque, enquanto a defesa americana impedia os avanços do rival. Já nos acréscimos finais, ainda deu tempo de Ademir puxar o contra-ataque e deixar para Ramon anotar o seu primeiro gol com a camisa americana.

FICHA DO JOGO

América 3×1 Cruzeiro-MG

Motivo: Campeonato Mineiro – Semifinal

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Felipe Fernandes de Lima (MG)

Auxiliares: Felipe Alan Costa de Oliveira e Ricardo Junio de Souza(MG)

Gol: Rodolfo (2), Ramon (América); Matheus Barbosa (Cruzeiro)

Cartões amarelos: Bruno Nazário, Eduardo Bauermann, Diego Ferreira, Rodolfo, Ademir, Geovane (América); Adriano, Felipe Conceição, Ramon (Cruzeiro)

América

Matheus Cavichioli; Diego Ferreira, Anderson, Eduardo Bauermann e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho (Juninho Valoura) e Alê (Eduardo); Bruno Nazário (Ribamar), Felipe Azevedo (Ramon) e Rodolfo (Ademir).

Técnico: Lisca | Cauan de Almeida e Márcio Hahn

Cruzeiro-MG

Fábio; Cáceres, Weverton, Ramon e Matheus Pereira; Adriano (Claudinho), Matheus Barbosa (Marcinho) e Rômulo (Bissoli); Airton (Stênio), Rafael Sóbis e Bruno José (Felipe Augusto).

Técnico: Felipe Conceição