América MG

América Feminino contrata goleiras para as equipes profissional e de base

Goleiras americanas ao lado do preparador Carlão – Esq. p/ dir.: Deka e Thay (profissional), Larissa e Thamires (Sub-18) – Foto: Mourão Panda / América

Firme na preparação para a temporada 2021, o América Feminino apresenta três novidades nesta quinta-feira. A diretoria da equipe acertou a contratação das goleiras Thay, de 20 anos, Larissa, de 16 anos, e Thamires, de 15 anos. Thay defenderá a categoria profissional das Spartanas enquanto Larissa e Thamires são as duas primeiras contratações específicas para a nova categoria Sub-18 do Clube.

As jovens atletas já se apresentaram no SESC Venda Nova e deram início no trabalho junto ao elenco. Nos treinamentos específicos da posição, elas ficarão a cargo do preparador de goleiras Carlão.

“Fechamos a contratação de três goleiras. A Thay, que já teve passagem pelo Clube e retorna após atuar no futebol dos Estados Unidos, e a Larissa e Thamires sendo atletas que chegam para integrar a base e fazer um trabalho em conjunto com as goleiras da categoria principal. As duas jovens vão compor a categoria Sub-18 mas também fazer uma preparação sob a coordenação do nosso preparador Carlão”, comentou Luiza Parreiras, coordenadora administrativa da equipe.

Com vínculo assinado até julho de 2021, Thay inicia sua segunda passagem pelo América. Após deixar o Clube em 2019, a goleira foi para os Estados Unidos e jogou pelo Cloud County Community College, da cidade de Concordia, no Kansas. A atleta de 20 anos retorna ao Coelho com essa experiência no país referência em futebol feminino no mundo.

“Retorno ao América com a expectativa de fazer um ótimo Campeonato Brasileiro com o Clube. Espero fazer um bom trabalho com as meninas. Passei um bom período aqui da outra vez, depois fui para os Estados Unidos. Chego com a vontade de fazer uma boa temporada”, afirmou Thay.

A jovem Larissa assinou um contrato de formação com o América, que será válido até maio de 2024. Antes de chegar ao Coelho, a arqueira de 16 anos atuou pelo Santa Cruz-MG e Cruzeiro-MG.

“Fico feliz por essa oportunidade e espero poder me qualificar para futuramente entrar na equipe principal e contribuir com o América. Já iniciei os treinamentos com o Carlão para poder progredir cada vez mais”, disse Larissa.

Já Thamires terá vínculo de formação válido até outubro de 2025. A goleira de 15 anos já acumula duas experiências antes de chegar ao América, tendo atuado por Tupinambás-MG e Atlético-MG.

“Estou muito feliz de estar aqui no América. Pretendo evoluir mais e aprender mais a cada dia. Que possamos ter uma ótima temporada e representar bem o Clube também no time Sub-18”, afirmou Thamires.

Fichas das atletas

THAY
Nome completo: Thaynara Faria de Aguiar
Data de nascimento: 18/06/2000
Local de nascimento: Belo Horizonte (MG)
Clubes: Santa Cruz-MG, Frigoarnaldo-MG, Tupinambás-MG, Ferroviário-MG, América e Cloud County Community College-USA.

LARISSA
Nome completo: Larissa Caroline Nunes
Data de nascimento: 10/05/2004
Local de nascimento: Caeté (MG)
Clubes: Santa Cruz-MG e Cruzeiro-MG.

THAMIRES
Nome completo: Thamires Caroline de Oliveira Portelo
Data de nascimento: 28/10/2005
Local de nascimento: Contagem (MG)
Clubes: Tupinambás-MG e Atlético-MG.


PRÉ-TEMPORADA

As Spartanas iniciaram a pré-temporada presencial no dia 7 de abril e vêm intensificando a preparação sob o comando da técnica Nádima Skeff.

Nesta terceira semana de preparação, as atletas americanas têm feito um trabalho intervalado entre academia e campo. Com um cronograma especial de fortalecimento e ganho de resistência, o elenco tem evoluído a condição física sob a coordenação do preparador físico Hiron Junior e da fisioterapeuta Luanda Azevedo. Os trabalhos técnicos e táticos têm sido comandados pela técnica Nádima Skeff. Além disso, as Spartanas têm recebido o suporte da fisiologia, nutrição, psicologia e departamento médico do Clube nos treinamentos no SESC Venda Nova.

FLICKR: CONFIRA AS FOTOS DO TREINAMENTO DAS SPARTANAS

As atletas com idade Sub-18 do plantel feminino já vêm treinando normalmente neste mês de abril. A categoria usufrui da mesma estrutura do time profissional no SESC Venda Nova, tendo um cronograma específico de treinamentos coordenado pela auxiliar técnica Talita de Oliveira. Contudo, um dos focos estabelecidos para as jovens da base é a integração intensiva com as atletas profissionais. Com isso, elas também têm feito algumas atividades em conjunto com as mais experientes no dia a dia da pré-temporada.